jusbrasil.com.br
5 de Junho de 2020

Geraldo Alckmin tem contas eleitorais desaprovadas pela Justiça

Jadson Jesus, Técnico em Segurança no Trabalho
Publicado por Jadson Jesus
há 5 anos

As contas eleitorais prestadas por Geraldo Alckmin durante sua campanha à reeleição ao governo de São Paulo foram desaprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) paulista, nesta quarta-feira (10). A decisão foi por 5 votos a 1 e ainda poderá ser revista pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), caso a defesa do governador entenda a necessidade de recurso.

Ao iG, a assessoria de imprensa do TRE afirmou que a desaprovação foi devido à irregularidades na prestação de Alckmin, que omitiu doações recebidas ao longo da campanha. Na primeira parcial, ele deixou de informar a doação de R$ 900 mil e, na segunda, de mais de R$ 8 milhões.

De acordo com o Tribunal, a formalidade deveria ter sido cumprida devido ao direito do eleitor de conhecer todos os doadores e valores recebidos por seus possíveis candidatos ao longo do período eleitoral.

A defesa de Alckmin alegou que as doações, registradas ao fim das Eleições, não foram informadas por terem sido repassadas ao governador reeleito na véspera das prestações de contas, o que teria impossibilitado a ação.

Fonte: IG

1 Comentário

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

... E não acontecerá nada com ele. continuar lendo